30 de dezembro de 2013

HTBAH-Cap.16: Zayn,you are my superman!


(desde o cap. passado as coisas estão acontecendo no decorrer dos messes : Outubro e Novembro.)


Narrador's P.O.V:


~Foco: Londres.~



Niall era o único dos meninos que mantia tanto contato com S/n quanto Ally. Louis ligava todo final de semana, quando estava com Els,Harry falava com ela por Skype de vez em quando,nas vezes que Ally dormia lá na casa de Anne.Anna e Milly as vezes ligavam para saber do clube de teatro e para pedir opinião sobre o baile.

Ally e Niall. Os únicos que sabiam sobre o surto de Carlos e o quanto S/n sofreu com a surra que levou. Ally tinha levado a história mais "na boa" que Niall. Enquanto ela se contentava com a raiva e com seus palavrões,Niall socou paredes,"desapareceu" por algumas horas e ficou revoltado por dias. A raiva  aumentava mais ainda quando via Zayn com alguma garota,rindo como se tivesse tudo bem,como se S/n nem existisse.

Niall tinha uma relação de proteção com S/n e ver Zayn fingindo que não se importava mais com ela, o deixava possesso. O morena já tinha deixado Emily para trás e a nova garota era Mandy. Era uma garota adorável que tinha terminado um relacionamento semanas atrás e tinha achado em Zayn uma forma de esquecer o ex namorado. Coincidência,não é?
Niall tinha chegado em casa depois de sair da loja de Rick e Greg,já era bem tarde e se via poucas pessoas nas ruas. Chegando na frente da sua casa Niall viu o carro de Zayn parado na calçada dos Malik e viu Zayn se agarrando com Mandy. O loiro chegou perto dos dois,disse um boa noite e perguntou se poderia falar algo com Zayn.


Zayn: Ahhh Nialler... Tem que ser agora? - ele disse beijando o pescoço da garota,fazendo-a rir.

Niall: Zayn é sério,eu preciso falar com você...- ele viu que o amigo não deu bola e tentou chamar sua atenção. - Zayn,é que a Ally tava falando com a S/n um dia desses e eu ouvi uma coisa que eu acho que você vai querer ouvir.- Zayn tirou o rosto do pescoço de Mandy e olhou com uma cara brava para Niall.

Zayn: Horan,eu já disse que não queria mais saber do que acontece lá. - ele disse se afastando do carro,ficando de frente para Niall,mas ainda perto da garota.- Ela está com Carlos,não comigo,ele que se preocupe com ela agora.

Niall respirou fundo e sua paciência foi parar no espaço. Ele foi até o moreno e o puxou pela gola da blusa e o balançava com força,enquanto o amigo assustado o segurava pelas mãos.

Niall: Isso mesmo ,ela está com Carlos. Esse é o problema, seu imbecil.- ele disse soltando a blusa de Zayn. - Ela fez tudo isso para proteger a gente e o que aconteceu? Ele espancou ela por sua causa. Por que você não aguentou deixar suas bolas dentro da sua cueca.- Niall se afastou e passava as mãos no cabelo. - Ele a espancou por que vocês transaram quando nós fomos até Nova York.- ele olhou para uma Mandy um tanto envergonhada e se dirigiu a ela. - Nada contra você,mas enquanto você está aqui vadiando Zayn,S/n está em NY,sofrendo... por nós. POR VOCÊ.

Zayn foi até o canteiro da calçada e despencou na grama verde e úmida. Ele não sabia o que fazer,eram tantas emoções ao mesmo tempo que ele estava estático. Não tinha entendido nada até aquele momento,mas assim como Niall e Ally,ele foi juntando as peças até chegar a conclusão tão óbvia. Carlos continuava sendo o mesmo vigarista filho de uma mãe. Ele só não entendia a parte de S/n ter feito isso para protegê-los.

Mandy: Zayn,acho que vocês tem bastante coisa para conversar. - ela se abaixou na frente de e lhe deu um beijo na bochecha antes de o aconselhar. - Acho que tá na hora de você parar de correr atrás de qualquer rabo de saia por aí e ir atrás de quem você realmente quer. - ela se levantou e estendeu a mão para Zayn que aceitou de bom grado. Ela o beijou na bochecha e sussurrou: Vai lá, garanhão. Você já tentou demais esquecê-la.

Zayn: Como você sabe se é a mesma garota? A que Niall falou e a que eu estou querendo esquecer? - ele disse abatido.

Mandy: Não precisa dizer,Zayn. - ela limpou a marca de batom no rosto dele e se foi. Niall o cutucou e disse que se ele quisesse poderia explicar tudo.

Niall: Ou você pode ligar para Ally que ela pode te contar tudo bem direitinho.

http://2.bp.blogspot.com/-kCp9kDolgEU/Uoud4HqBooI/AAAAAAAAAaI/sTbqRUJDsK4/s1600/htbah-nanda.png

Depois de passar horas no telefone com Ally,Zayn secou as lágrimas,tomou um banho e ligou para Liam. Já era tarde,o telefone tocava e ninguém atendia. Depois de alguns minutos tentando e de Zayn quase desistir,Liam atende o telefone.

Liam: Espero que seja uma coisa muito importante para você está me lingando ás 23:00 em plena quarta-feira,sabendo que eu tenho que ir para aula amanhã. Que nós temos na verdade.- ele disse sonolento. - Na verdade eu espero que não seja nada demais... Tá tudo bem né? - ele disse parecendo assutado.

Zayn: Tá,tá sim Lee-yum. - ele pode ouvir o amigo soltar o ar dos pulmões. - Mas,eu quero te pedir uma coisa. Estou pedindo para você Liam,por que sei que vai ser o único a concordar.

Liam: Zayn ,pelo amor de Deus. O que você aprontou?- Liam disse se levantando da cama.

Zayn: Eu não fiz nada... ainda. E ai,vai me ajudar?

http://2.bp.blogspot.com/-kCp9kDolgEU/Uoud4HqBooI/AAAAAAAAAaI/sTbqRUJDsK4/s1600/htbah-nanda.png
Zayn jogou a mochila nas costas e Liam fechou o carro. Os dois correram pelo estacionamento do aeroporto,pelo saguão,subiram as escadas rolantes... Zayn ia embarcar para Nova York naquela noite. Na verdade naquela madrugada. Ele tinha pedido que Liam o levasse até lá,tinha comprodo as passagens enquanto falava com Ally. Na verdade a decisão foi tomada assim que Ally disse que ela "só estava com Carlos por que ele tinha a ameaçado."

Liam o levou até o aeroporto,o acompanhou até a hora do embarque e desejou que tudo desse certo,mesmo sem saber direito a história. Ele abraçou Zayn e se despediu,pediu para que desse um beijo em S/n e pediu que o amigo ligasse o mais rápido possivel. Zayn prometeu fazer tudo o que o amigo pediu,se abraçaram novamente e ele se foi.


https://24.media.tumblr.com/18f2669900bc40be40e8663935c4eb51/tumblr_mx952790uU1rlp610o1_250.gif


Narrador's P.O.V:


~ Foco: NY. ~ 




A chuva começava a cair em NY e Carlos procurava suas ferramentas na casinha dos fundos da sua casa. Ele já estava totalmente aborrecido por não conseguir achar o que queria quando achou o que não devia. Ao pegar aqueles papeis escondidos dentro debaixo de uma vaso,ele os abriu e leu rapidamente o que tinha escrito. Ele saiu pela chuva fraca com raiva do que tinha lido. Tudo se encaixou. As cartas,Agente Moore,seus comparsas sendo presos,sumindo do nada. "É culpa da S/n",Carlos pensou,"ela vai me explicar isso direito."Ele andou pela chuva,jogou os papeis no chão e entrou em casa molhando tudo e sujando a casa com a lama de suas pernas.


S/n estava sentada no sofá,ouvindo a música que os meninos tinham gravado para ela enquanto terminava uma das tarefas da escola.Carlos entrou na sala e puxou seus fones do ouvido,a assustando. Ele jogou no sofá um dos papeis que tinha no bolso,S/n o pegou e percebeu que era uma das cartas. Ela respirou fundo percebendo o quanto tinha sido estupida em deixar as cartas escondidas,ao invés de dar um fim nelas.

Carlos:  Quem é esse Agente Moore?- ele perguntou exaltado. -  E por que esse filha da mãe tava se comunicando com você? O que ele quer? Você por um acaso perdeu o juízo?

http://31.media.tumblr.com/7f5e914b082a42f20372d99e7b48bc14/tumblr_ml996oxtMW1ro95bto1_1280.gif

Ele não a deixou responder,simplesmente ficou repetindo que precisava sair dali,quereles teriam que sair de NY,se mudar,sumir do mapa,qualquer coisa para não ter o mesmo final que os comparsas. Carlos não queria ir para cadeia,se fosse seria espancado por ter estuprado S/n quando mais nova e por ter a aprisionado com ele. S/n dizia que não iria embora,que não deixaria sua vida ali para que ele se safasse. Ela ficaria. 

Carlos gritava com ela,já tinha jogado a televisão no chão,o celular de S/n já tinha virado pedacinhos e a roupa dela já estava rasgada de tanto ele puxá-la. Depois de muito insistir,de puxá-la e apertar seus braços,Carlos a empurrou e sentou-se no sofá com raiva tentando pensar em como sairi dali sem que o tal Agente não o descobrisse.

S/n respirou fundo e se pôs de pé em frente ao moreno no sofá.

Você: Eu não vou sair daqui. - ela disse aparentando as mãos em punho ao lado do corpo.- Se você quiser,pode fugir,pode sair por aí correndo da polícia ouso Agente Moore. Mas eu não vou.

Ele riu e bufou. Se escorou no sofá e balançou a cabeça. "Você vai sim.",ele disse. Ela continuou a dizer que não ia,até que num surto de coragem ele gritou com ele dizendo "Você não manda em mim,seu imbecil!"

Ele olhou assustado com o grito dela,enquanto S/n ainda com a coragem em suas veias,levantou a mão e bateu com toda sua força no rosto de Carlos.

http://images.wikia.com/glee/images/2/2f/Santana-slap.gif

Ele levantou-se do sofá em um misto de susto e raiva. S/n correu para o outro lado da sala com tanta raiva quanto Carlos tinha no momento. Ela gritava em desabafo, dizia o quanto tinha raiva por ter sido tão estúpida,o quando se sentia fraca por se deixar levar pela lábia dele e principalmente o quanto estava cansada de tudo aquilo. Ela já tinha jogado almofadas,os sapatos,quadros da parede,quando viu na sua frente a mesinha com vários vasos de cerâmica e começou a atirá-los no rapaz.

 http://24.media.tumblr.com/tumblr_loytqzGFCa1qiffqco1_500.gif 

Ele correu até ele e pulou em seu pescoço. Ela o derrubou no chão em cima  de um monte de cacos de vidro e da areia marrom e úmida dos vasos. Ela batia em seu rosto com a raiva e força que tinha sendo reprimido por todos os meses que ele a fez sofrer.


S/n pode sentir as mãos de Carlos apertando seus braços ,tentando tirá-la de cima dele,então se jogou para o lado,se machucando pelos pedaços de vidro no chão,até se apoiar na parede mais próxima para se levantar. Carlos parecia não se importar com o vidro cortando seus pés. Se levantou rapidamente e puxou a garota por trás,segurando sua blusa,a jogando no chão.


Ela engatinhou até a mesa e conseguiu se esconder do lado oposto. Com dificuldade ela levantou e  se apoiou em uma das cadeiras de madeira enquanto Carlos se aproximava.Ela se preparou para correr e puxou o vaso com água que estava em cima da mesa e correu. Carlos tentou segui-la mas a água o fez se desequilibrar e cair no chão.

S/n conseguiu correr até uma pequena dispensa que tinha debaixo da escada e se trancar la dentro. Carlos respirou fundo foi até lá. Tentou abrir,esmorrou a porta,se jogou contra ela,mas de nada adiantou. S/n tinha colocado algumas coisas barrando a porta,além de que as trancas eram super resistentes,o próprio Carlos tinha mudado-as.

Carlos: S/n eu já estou perdendo a paciência me entendeu? Dá para sair logo daí. Você vai comigo nem que seja a força.


Zayn apareceu do nada puxando Carlos pela blusa e antes que ele pudesse saber o que estava acontecendo, Malik deu um soco na cara de Carlos. A raiva o consumia,os gritos de S/n que ele pode ouvir do lado de fora rondavam sua cabeça, a preocupação de saber como estava a amada o fazia querer ver o sangue de Carlos escorrer pelo chão.

http://media.tumblr.com/tumblr_llbhbeQHF61qfw7zw.gif

Zayn podia estar com raiva e a adrenalina corria por sua veias,mas Carlos era mais forte. Ele pegou Zayn pela blusa e o empurrou para o sofá,o que não deu muito certo já que os dois agarrados um ao outro tropeçaram no sofá e passaram direto pela janela. Os dois voaram pelo vidro quebrado e caíram na grama molhada e cheia de lama do quintal.
 

Carlos se levantou mais rápido e pensou que Zayn fosse ficar no chão. Se distraiu por alguns segundos e viu o rapaz de pé na sua frente. Vega não perdeu tempo e colocou toda sua força em seu punho,acertando em cheio a cara de Malik.


Zayn deu dois passos para trás e voltou a querer bater em Carlos. A chuva tinha começado a cair com mais força e antes que Carlos pudesse bater em Zayn novamente, o rapaz o pegou pela blusa e deu vários socos em seu rosto. Zayn partiu para as joelhadas na barriga e no rosto,mas logo voltou a socá-lo.





Carlos tentava se defender, mas Zayn não deixava. Ele deu um último soco antes de segurar Caros pelos ombros para que ele não caísse e falou rapidamente.

Zayn: Isso foi por tudo o que você já fez. – ele o soltou,deixando-o cambalear perto dele. – E isso... – ele disse dando mais um soco,fazendo Carlos cair (gif).- É por sequer pensar que ele “é sua”.

http://cdn03.cdnwp.celebuzz.com/wp-content/uploads/2013/02/07/tumblr_mdzfi6epfk1rxrj8t.gif

Com Carlos caído no chão,Zayn virou-se para ir atrás de S/n. Quando ele passou pela janela quebrada,viu S/n saído encolhida da dispensa e olhando assutada para ela.Ela correu até ele e se jogou em seus braços.

http://img253.imageshack.us/img253/6403/alicehathug.gif


Você: Zayn... – ela disse aliviada. – Obrigada por isso. Obrigada por me livrar dele. Ainda bem que você chegou,nem sei o que poderia ter acontecido. – ela disse se soltando de seus braços para o olhar nos olhos.


Zyan: Eu prometi que ia estar sempre com você e que ia te ajudar sempre que precisasse. E aqui estou eu. – ela passou a mão por seu rosto machucado e segurou o choro.


Você: Me desculpa por tudo que eu te fiz passar. – ela disse com uma lágrima escorrendo no rosto.


Zayn: Pelo que você me fez passar? – ele disse bufando – Ele te espancou e eu que passei por coisas ruins? – ele disse apontando para o Carlos ainda deitado no chão.


Você: Acho melhor a gente correr para minha casa e chamar meu pai antes que ele acorde. – Zayn concordou e a puxou para mais um abraço.

Zayn: Pelo menos você esta bem. É isso que importa. - Carlos gemeu no chão e Zayn a apertou nos braços antes de saíram correndo pela porta,na chuva e machucados.

http://i1131.photobucket.com/albums/m553/sophsunflower12/tumblr_moybyi1Dne1qio9b0o1_500_zps63266c44.gif


http://1.bp.blogspot.com/-UTYWfGJgFJY/UoPHY57k8FI/AAAAAAAAAZc/0G67aG9uR7Y/s1600/nandadiz.png



Cap. pequeno e esperado para fechar o ano. Sei que devia ser maior, mas não tive tempo de escrever esses dias,então parei ai por que queria postar antes do ano acabar sabe :\ 

Mas para compensar,essa foto linda do Zaz ::::::::


https://fbcdn-sphotos-f-a.akamaihd.net/hphotos-ak-prn1/1538725_673270486028831_1162275994_n.png

Esse gif que define minhas saudades dos tempos da UAN ::::


E essa frase perfeita de uma pessoa que eu não conheço,mas que ganhou meu respeito...

   

"Quando uma garota diz "Pra mim já chega",na verdade isso significa "Lute por mim". 
A tradução não é bem essa,mas assim fica melhor :) 

*p.s: Desculpem o tamanho do cap. :(
*p.s²: Comeeentem \o/

Beijos dessa mulher lindamente perfeita *u*:::::

http://img.pandawhale.com/54446-Mila-Kunis-blowing-you-a-kiss-ItUm.gif

Ours - Capitulo 3: Harry...

                                                                                                                  ~Narrador on~


Seunome acordou cedo na sexta-feira como de costume, porém estava mais feliz porque hoje será seu primeiro dia de trabalho e o último dia de aula. Ela fez sua higiene matinal, colocou uma roupa qualquer e quando já ia saindo recebeu uma ligação.

~Ligação on~
Seunome: Alô?
Desconhecido: Oi, aqui é o Harry!
Seunome: Harry?! - Seunome não tinha dado o número dela para ele nem seu endereço porque não queria sair com Harry, pois ainda tinha raiva dele pelo que ele fez.
Harry: Então... Eu peguei seu número com o Pierre...
Seunome: Você falou com o meu pai?
Harry: Sim, mas... Primeiro preciso saber onde você mora...?
Seunome: No bairro Camden Town, número 6969, ao lado de uma loja chamada Vans. Não tem como errar é a única casa, no meio daqueles apartamentos e lojas. (não sei se é assim na vida real, mas isso é só um detalhe)
Harry: Então até hoje a noite!
Seunome: Até.
~Ligação off~

A menina ignorou a ligação e foi para faculdade. Seunome chegou meia hora antes de começar a aula e por isso nenhum de seus amigos tinha chegado, ela pegou um livro e se sentou. Der repente surge uma sombra atrás da mesma e a garota se vira assustada.

Seunome: Brian?!
Brian: Oi. 
Seunome: Oi... - Seunome o olhava com um olhar estranho.
Brian: Aposto que está se perguntando por que o garoto mais atrasado da faculdade chegou cedo no último dia de aula. - Seunome assentiu - Minha mãe tinha uma consulta médica e tive que levá-la.
Seunome: Ahh...
Brian: Tá lendo o que?
Seunome: A menina que roubava livros.
Brian: Eca! Só li esse livro por causa de um trabalho. Prefiro ficção científica e terror. Na verdade prefiro os filmes.
Seunome: Só você mesmo, né? - Disse bagunçando o cabelo do rapaz.

Horas se passaram... Lena foi buscar Seunome na faculdade e a mesma já tinha almoçado com as amigas no trabalho para evitar atrasos. Em pouco tempo elas chegaram ao jornal e foram recebidas por Jackson que deu as orientações para Seunome. Ela devia escrever um artigo sobre o seu primeiro amor.
A menina sentou no local indicado e começou a escrever o que lhe fora solicitado e foi ai que Seunome começou a se lembrar de Harry e de quando o conheceu há 15 anos...
~Flash Back on~

Seunome tinha acabado de mudar de escola. A menininha tímida não conhecia ninguém nessa escola nova, mas ela tinha que estudar lá porque os pais a deixaram sobre os cuidados da tia que morava vizinha a escola. Seunome entrou e sentou numa cadeira qualquer do pátio e ficou lá esperando o sinal tocar. Um garotinho a viu e se aproximou.

- Oi. Meu nome é Harry. Qual é o seu?
Seunome: Seunome. 
Harry: Eu tenho 4 anos e você?
Seunome: 4 também.
Harry: Quer uma bala? - Disse mostrando uma.
Seunome: Sim!
Harry: Então vem pegar! - Disse e saiu correndo e Seunome correu atrás dele. - Você não me pega! - Debochava.
Seunome: Isso é o que você pensa! - Correu mais rápido e pegou a bala.

Harry: Até que você corre rápido pra uma garota.
Seunome: Obrigada. - Sorriu vitoriosa. 
Harry: Revanche no recreio?
Seunome: Claro. - Eles apertaram as mãos e ali nasceu uma grande amizade.
~Flash Back off~

Seunome chegou em casa por volta das oito horas da noite. Ela tomou um banho demorado e ao sair do mesmo não sabia o que vesti, então fez um coque no cabelo e ficou só de toalha escolhendo... Nesse meio tempo Arthur pegou o iPhone da garota.

Seunome: Devolve agoraaaaaaa!!!!!! - Disse correndo atrás do garoto.
Arthur: Mensagem do Harry " Já está pronta gatinha? Estou a caminho haha". - Disse debochado.
Seunome: Me devolveeee!!!! EU NÃO ESTOU BRINCANDO!!
Arthur: Vem pegar muhaha...
Harry: Seunome?
Seunome: Harry?! - A menina só percebeu agora que estava no andar de baixo (sala).
Arthur: Esse é o Harry?
Seunome: É sim!
Harry: Nós temos um encontro hoje! - Disse sorridente.
Arthur: Mas você não está...
Seunome: Pronta! - Ele subiu desconfiado - Vou terminar de me arrumar já volto.
Harry: Tá.

Seunome subiu e terminou de se arrumar, a garota ficou realmente linda em seu vestido vermelho. Ela ia saindo do quarto, mas foi surpreendida por Arthur que a esperava na porta com os braços cruzados.

Arthur: Não tem nada para me contar?
Seunome: Ele é só meu amigo.
Arthur: Então por que ele disse ENCONTRO?
Seunome: É só um jeito de falar, nós vamos a um pub qualquer.
Arthur: Não devia brincar com os sentimentos dos outros assim...
Seunome: Você não entende dessas coisas, só tem nove anos. 
Arthur: Minha mãe também pensava assim e agora eles estão divorciados! - Seunome olhou meio triste para ele mas desceu e saiu com Harry.
                                                                                                                                  ~Você on~


Harry me levou a um pub novo na cidade, não era muito brande, mas tinha bebidas ótimas, ficamos bêbados em pouco tempo. Depois disso só me lembro de ter dançado um pouco e de Harry ter me levado a algum lugar...

Acordei hoje com uma ressaca daquelas e o pior é que eu não sei onde estou. Vi minhas roupas jogadas no chão, peguei-as e tomei um banho de água fria no quarto em que estava. Depois sai do quarto e UAL eu estava em uma mansão, desci as escadas e escutei um barulho vindo da cozinha, fui até a mesma...

Harry: Dormiu bem?
Eu: Onde estamos?
Harry: Na minha casa.
Eu: Nós...?
Harry: Sim. é uma pena que estávamos bêbados, não me lembro de nada. E, pelo visto você também não.

Eu transei com Harry Styles?

Eu: Pode me levar pra casa?
Harry: Claro. 

Ele pegou as chaves dele e eu peguei minha bolsa. Ele estava só de box e com uma camisa velha do Ramones. Eu estava com as roupas e ontem e com os chinelos de Harry - um fato sobre mim: odeio usar salto de manhã. No caminho cantamos várias músicas e dentro de vinte minutos nós finalmente chegamos.

Harry: Que tal hoje de novo?
Eu: Não sei... Talvez...
Harry: Vou entender isso como um sim.
Eu: E aonde nós vamos?
Harry: Surpresa.
Eu: Agora eu tenho que ir até hoje as...
Harry: Oito. Até. - Me deu um beijo na bochecha.
Entrei e me joguei no sofá. Ainda são sete horas, tia Lena e Arthur ainda estão dormindo. Coloquei uma roupa de ficar em casa, liguei a TV e fiquei assistindo as notícias do dia...
Arthur: Humm passou a noite toda fora..
Eu: Algum problema?
Arthur: Só acho que você não ama o Scott de verdade.
Eu: Não diga bobagens! Harry é só meu amigo e eu estou curtindo os meus últimos dias de solteira.
Arthur: Mas e o Harry?Eu acho que ele gosta mesmo de você!
Eu: Tem certeza? Quando nós ficamos deu tudo errado...
Arthur: Por quê? 
Eu: Não sei...
                                                                                                                                         ~Narrador on~

Harry chegou a casa de Seunome pontualmente e dessa vez a garota já estava pronta. Eles foram assistir um filme de ficção científica, ambos adoram esses filmes com estilo geek. O filme começou e por mais que fosse estreia ambos estavam com os pensamentos bem distantes. "Como ele consegue ser tão sexy com uma camisa simples, jeans e tênis? mas o que eu estou pensando? Eu vou casar!" - Pensava Seunome. 

O filme acabou e Harry levou Seunome para casa. Mas quando Seunome entrou em casa se deparou com Scott sentado no sofá da sala. ela ficou simplesmente sem reação e pensou com sigo mesma " O que ele faz aqui?".

Seunome: O que faz aqui?
Scott: Vim ver minha noiva... - disse com uma voz rouca e um pouco sínica - Se divertiu muito ontem?
Seunome: Ele é só meu amigo...
Scott: Então, por que vocês foram a um pub juntos e depois você passou a noite toda na casa dele?!
Seunome: Como sabe de tudo isso?
Scott: Isso não importa! Agora me diz o que você fez a noite toda na casa dele?! - O rapaz não obteve resposta. - Eu vou embora porque pelo visto eu não tenho mais nada para fazer aqui!
Seunome: Não! Scott espera! Scott por favor! Eu posso explicar... - Disse com lágrimas nos olhos, o impedindo. Mas Scott a jogou contra parede e saiu a deixando chorando no chão.

Scott voltou para Las Vegas naquela mesma noite e por incrível que pareça ele estava realmente triste... Será que ele gosta mesmo da Seunome? Não, é claro que não, isso com certeza é só um plano para ficar com a herança dela. Por quê? Bom, primeiro: Scott é muito ganancioso e fica sempre perguntando sobre a herança da garota. Segundo: Ele fazia bullying com Seunome e Harry no passado. Terceiro: Ele é um cara do estilo gostosão e mulherengo, e Seunome é uma menina tímida,  sonhadora e recatada.

No dia seguinte Seunome acordou super cansada, passou praticamente à noite em claro pensando em tudo que está acontecendo. Mas agora ela precisa se arrumar pois terá um dia cheio hoje... Então ela tomou um banho, colocou um vestidinho florido e uma sapatilha rosa, tomou só um cappuccino e foi ao trabalho.

Seunome hoje teria que falar sobre um assunto delicado em "sua" coluna, gravidez na adolescência. Ela respirou fundo e começou a pesquisar algumas coisas na internet. E as horas foram passando bem rápido até que der repente um ser de cabelos cacheados apareceu na frente da garota com um buquê de flores, eram margaridas.

Seunome: Harry?! O que faz aqui?
Harry: Trouxe isso para você!
Seunome: São lindas, mas, Harry eu preciso de contar uma coisa muito importante.
Harry: Pode falar.
Seunome: Lembra-se do Scott? Scott Tanner, que estudou com a gente, jogava no time da escola...
Harry: Sim, claro o garoto que perturbou a gente por anos.
Seunome: Então... eu vou casar com ele!
Harry: O QUÊ?!


**********************

Hey dreamers!!!!!!! Então eu ia posta no niver do Boo, mas como eu sou uma pessoa muito santa sqn, meu pai tirou meu computador (onde estavam os capítulos), por isso desculpa. Algumas pessoas estão reclamando que as coisas estão acontecendo rápido demais, eu sei disso, eu estou acelerando as coisas de propósito porque se não a fic vai ter uns 70 ou 80 caps, e eu quero que tenha no máximo 30. Outra coisa não fiz o hot da Seunome com o Harry porque eles estavam bêbados e eu não queria que o primeiro hot da fic fosse assim, por isso será só daqui a uns três ou quatro capítulos. Ah, e só para esclarecer uma coisa: a fic está no meio de 2013, por isso é verão em Londres. Bom, acho que isso é tudo pessoal! Como hoje é aniversário do Sandy, fiquem com essa foto fofa dele, e até o próximo capitulo!